quinta-feira, 9 de junho de 2016

A Festa do casamento

Letra: Nestor Welzel, 1972 (Mt 22.1-14)
Música: Valdo Weber, 1997

[Mp3 e vídeos, assim que possível]

1.
Do filho o casamento,
um rei quis celebrar,
e com fartura e brilho
a festa realizar.
Deu ordem aos serventes:
Meus servos, ide já,
dizei aos convidados,
que tudo pronto está.

2.
Porém os convidados
preferem não ouvir.
Desprezam o convite,
porque não querem ir.
Irou - se o rei e disse:
- A festa preparei,
mas era indigna a gente
que as bodas convidei.

3.
Então falou aos servos:
- Por toda a parte andai;
nas ruas os mais pobres
à festa convidai!
Trocai seus velhos trajes,
por vestes festivais.
Terão as homenagens
de amigos meus, reais!

4.
Os pobres aceitaram
tamanha distinção.
À mesa se alegraram,
em  fraternal união.
É Deus o rei que chama
às bodas celestiais.
A pobres pecadores,
destina os bens reais.

5.
Há muitos que não entram
no reino celestial.
Desprezam o convite
e o traje festival.
Aceita, pois, amigo
a oferta do Senhor:
o manto da justiça
de Cristo, o Salvador!

Partitura autorizada pela Editora Concórdia